Clínica Médica Vol. 1 - Nº 1 - Infecção Hospitalar - Capítulo 05 - Feridas e Curativos

Gláucia Helena Martins. Adriana Cristina de Oliveira. Introdução. A preocupação com os curativos das feridas vem sendo constante há milênios. Vários agentes foram utilizados para a proteção contra o ambiente externo e para o tratamento – extratos de plantas, gelo, frutos, lama, açúcar etc., aplicados diretamente sobre a ferida.. A abordagem do tratamento das feridas sofreu uma revolução a partir de 1962, quando George Winter demonstrou que a cicatrização da ferida é otimizada em ambiente úmido. Quando existe umidade na ferida, a síntese do colágeno e a formação do tecido de granulação são melhoradas. A migração e a recomposição epitelial ocorrem com maior rapidez e, além disso, não há formação de crostas e escaras.. Uma grande variedade de curativos industrializados tem sido introduzida no mercado como uma nova opção para o tratamento dos diversos tipos de feridas, visando reduzir, prevenir ou minimizar os riscos das complicações decorrentes.. Apesar dessa contínua evolução, ainda permanece a busca de um curativo ideal.. Para a escolha....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa