Semiologia Pediatrica - Capítulo 04 - Exame Físico Geral

Adriana Szortika . Berenice Zottis . Raquel Reis . Vanessa Rudin . Jorge Hauschild. Como no adulto, a anamnese e o exame físico do paciente pediátrico permitem, na maioria das vezes, que se chegue a uma ou mais hipóteses diagnósticas e ao estabelecimento de um plano terapêutico adequado. A seqüência do exame físico em crianças, muitas vezes, precisa ser adaptada a cada situação, pois o paciente pode oferecer resistência por alguma experiência anterior desagradável, por estar sentindo dor, ou mesmo sem uma razão conhecida. Então, é aconselhável que se inicie o exame físico analisando, por exemplo, o padrão respiratório e contando as freqüências respiratória e cardíaca, podendo a criança, para isso, permanecer no colo da mãe. Aqueles exames mais desconfortáveis, como a oroscopia e a otoscopia, podem ser feitos na última etapa. Para o sucesso de um exame físico, é necessário que se estabeleça uma boa relação médico-paciente, bem como do médico para com os familiares do paciente. É importante que exista um ambiente tranqüilo e que haja respeito e confiança mútuos.. Antes de qualquer atitude, são fundamentais a postura e a apresentação pessoal (asseio,....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa