Clínica Médica Vol. 1 - Nº 4 - Antibioticoterapia - Capítulo 03 - Princípios Gerais do Diagnóstico Laboratorial nas Doenças Infecciosas

José Carlos Serufo. Wanessa Trindade Clemente. Introdução. Nas doenças infecciosas, o diagnóstico é baseado nas informações clínicas e epidemiológicas, exame físico do paciente e exames laboratoriais (propedêutica). Todavia, para o diagnóstico de certeza de qualquer processo infeccioso é fundamental a demonstração do agente e/ou de seus produtos nos tecidos do hospedeiro. . Para a identificação do agente ou antígeno utiliza-se metodologia direta por meio de técnicas de coloração (Gram, Ziehl-Neelsen), ensaios (imunofluorescência, aglutinação, monoclonal), culturas (convencional, automatizada, especiais) e/ou tecnologia molecular (hibridização, amplificação e detecção de ácidos nucléicos).. Métodos moleculares podem contribuir em situações de baixa sensibilidade e lentidão na obtenção de resultado pela via convencional, a exemplo de culturas para micobactérias, fungos e vírus.. Entretanto, será necessária a utilização de métodos indiretos na ausência do agente infeccioso e na impossibilidade de realização de métodos moleculares. Dentre os métodos indiretos mais comumente utilizados,....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa