Manual de Urgências em Pronto-Socorro - 5ª Edição - Capítulo 02.1ª Parte - Feridas

Marco Tulio Baccarini Pires. Luiz Verçosa. . I. Introdução. . . Os pacientes com ferimentos atendidos em qualquer serviço de urgência de um grande centro urbano são, na sua quase totalidade, vítimas de agressões ou de acidentes, que ocasionam feridas caracterizadas como traumáticas. É de grande interesse que esses ferimentos sejam classificados do melhor modo possível, quanto ao seu tipo, extensão e complicações. Não raro, existem conotações médico-legais, por se tratarem de casos que envolvem processos criminais, acidentes de trânsito, acidentes de trabalho etc.. . Feridas traumáticas são todas aquelas infligidas, geralmente de modo súbito, por algum agente físico aos tecidos vivos. Elas poderão ser superficiais ou profundas, dependendo da intensidade da lesão. Conceitualmente, considera-se como superficial um trauma que atinge pele e subcutâneo, respeitando o plano aponeurótico; considera-se profundo o traumatismo que atinge planos vasculares, viscerais, neurais, tendinosos etc. Os ferimentos conseqüentes ao trauma são causadores de três....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa