Pediatria Ambulatorial - Parte 01 – Aspectos Gerais – Capítulo 001 – Organização de um Serviço Ambulatorial

Ana Cecília Silveira Lins Sucupira. Introdução . A atenção à saúde da criança apresenta características próprias, uma vez que a criança necessita de um cuidado específico voltado para o acompanhamento do seu processo de crescimento e desenvolvimento, além do atendimento nas situações de doença. O ambulatório constitui-se no espaço privilegiado para a realização desse cuidado, que se inicia nos primeiros dias de vida e se estende até a adolescência. . As consultas ambulatoriais têm, portanto, dois grandes objetivos: acompanhar o crescimento e desenvolvimento da criança e atendê-la quando doente. No primeiro caso, o atendimento vai pautar-se nas ações de vigilância da saúde e orientações de promoção da saúde e prevenção da doença, intervindo sobre os fatores e as situações de risco. No segundo caso, a consulta está centrada na queixa, e o objetivo é o estabelecimento do diagnóstico e das medidas terapêuticas.. Em ambos os casos, o atendimento ambulatorial necessita de uma estrutura física e funcional que ofereça as condições adequadas para a realização dos objetivos propostos. Entretanto, é ainda recente....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2018 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa