Condutas em Cardiologia - Parte II - Emergências Cardíacas - Capítulo 23 - Tamponamento Cardíaco

Creso Abreu Falcão Roberto de Oliveira Buril Roberto Nery Dantas Júnior Paulo Santana. Introdução. O pericárdio pode ser definido como um saco constituído por duas camadas membranosas (pericárdio parietal e visceral) que envolve o coração. Essas membranas delimitam uma cavidade virtual, normalmente preenchida por pequena quantidade (aproximadamente 20mL) de líquido fisiologicamente semelhante a um ultrafiltrado do plasma, o qual permite o deslizamento de uma camada sobre a outra. . Esse saco não é essencial para a manutenção do funcionamento cardíaco (como evidenciado após incisão do pericárdio e subseqüente não-fechamento do mesmo após uma cirurgia cardíaca). Entretanto, várias funções subsidiárias são atribuídas ao pericárdio, como manutenção do coração em posição, limitando o movimento cardíaco intratorácico, balanço do débito ventricular direito e esquerdo nas interações sistólicas e diastólicas, funções linfáticas e imunológicas (atuando também como barreira anatômica, impedindo que infecções pulmonares se propaguem para o coração por contigüidade), dentre outras. . O....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados



© 2000 - 2019 Bibliomed, Inc. Todos os Direitos Reservados contato imprensa