Tópicos em Gastroenterologia - Avanços em Gastroenterologia - Volume 15 - Capítulo 13 - Linfadenectomia no carcinoma gástrico — Atualização

Marco Antônio Gonçalves Rodrigues. Henrique Gomes de Barros. Paulo Roberto Savassi-Rocha. Introdução. A linfadenectomia no tratamento de neoplasia é definida como a remoção cirúrgica de todos os linfonodos regionais que drenam determinado órgão ou estrutura acometida pelo tumor, visando a seu correto estadiamento e controle locorregional, no caso da presença de disseminação linfática.. Estima-se que o carcinoma gástrico (CaG) seja uma das principais causas de morte por neoplasia visceral no Brasil (INCA, 2003)39. No CaG, o acometimento metastático dos linfonodos regionais do estômago está intimamente relacionado ao prognóstico, sendo considerado um dos principais fatores na determinação da sobrevida do paciente21,77,113,128.. Na ausência de metástases a distância, está indicada ressecção cirúrgica com finalidade curativa, que deve incluir a dissecção radical dos linfonodos regionais do estômago (suspeitos ou não)72,81,102. Ainda hoje, não existe consenso quanto à intervenção cirúrgica ideal no tratamento do CaG. Contudo, estudos apontam para a linfadenectomia....

Divulgação



Publicidade

conteúdos relacionados


Assinantes


Esqueceu a senha?